Minas Gerais atualiza cardápios da alimentação escolar

Redação 11 de novembro de 2021 0

Revisão das opções inclui preparações variadas e equilibradas, além de estimular o consumo de frutas, hortaliças e de baixos teores de sal e açúcar

A Secretaria de Estado de Educação de Minas Gerais (SEE/MG) encaminhou para as escolas da rede estadual de ensino a nova cartilha “Cardápios da Alimentação Escolar” para a educação básica, o ensino integral e para escolas indígenas e quilombolas.

A publicação do documento tem por objetivo adequar os cardápios aos parâmetros estabelecidos na nova resolução do Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação (FNDE).

“O FNDE alterou vários componentes do cardápio, entre eles a quantidade de açúcar. Então, fizemos uma revisão total das cartilhas e aproveitamos para inserir novas preparações”, destaca a diretora de Suprimento Escolar da SEE/MG, Valéria Batista Nascimento.

Os novos cardápios foram elaborados pela equipe técnica de nutricionistas do Programa de Alimentação Escolar da secretaria. As cartilhas de ensino básico, indígena e quilombola contêm 98 opções de preparo; já a cartilha do ensino integral tem 40 opções de almoço e 32 opções de lanche. Todos os materiais apresentam um cardápio variado e equilibrado, estimulando o consumo de frutas e hortaliças e de baixos teores de sal/sódio e açúcar.

Parceria

A última atualização nos cardápios da rede estadual de ensino ocorreu em 2014. Em 2018, houve o lançamento de cartilha voltada especificamente para o ensino médio em tempo integral.

A SEE/MG encaminhou para todas as Superintendências Regionais de Ensino (SREs) um ofício com instruções de utilização das cartilhas. Entre as orientações está a importância da realização do planejamento da alimentação escolar com antecedência. Para a distribuição das refeições ao longo do mês foi elaborada a Matriz de Planejamento dos Cardápios, que traz as preparações divididas por grupos e o número de vezes que cada grupo deve ser incluído na semana.

Na organização da matriz a escola deve levar em consideração a aceitabilidade dos alunos, a sazonalidade e a vocação agrícola da região. Clique aqui para acessar os cardápios.

Deixe um Comentário »