Escola da rede estadual de ensino completa 100 anos em São Gotardo

Redação 2 de abril de 2013 0

Escola Estadual Conselheiro Afonso Pena inicia as comemorações do centenário previstas para 2013

Em 100 anos de existência, a Escola Estadual Conselheiro Afonso Pena tem muitas histórias para contar.

Localizada no município de São Gotardo, no Alto Paranaíba, a escola da rede estadual é mais antiga que a própria cidade, que atualmente possui 98 anos. Para celebrar tanta tradição aconteceu a abertura das comemorações com uma passeata pelas ruas do centro da cidade.

“Fizemos uma caminhada pelo centro da cidade, onde a escola está localizada. Também cantamos parabéns e demos um abraço coletivo no prédio. Na escola, a Banda do 15º Batalhão de Patos de Minas fez uma homenagem no início das comemorações”, contou a supervisora pedagógica da escola, Fernanda Bicalho.

Nesses 100 anos, a escola já teve 23 diretores e várias gerações de alunos. Na família da servidora Vilma Gonçalves, por exemplo, quatro gerações já frequentaram a instituição de ensino. “Eu, meus pais, meus filhos e meus netos. Todos nós passamos por aqui. Além de tradicional, a escola possui um alto nível de comprometimento com o aprendizado”, lembrou Vilma Rodrigues.

Atualmente, a escola realiza o atendimento de, aproximadamente, 700 alunos de todos os anos do ensino fundamental. Entre eles está Naiara Gonçalves dos Santos, de 12 anos. A aluna do 7º ano destacou que a “escola é um centro cultural da cidade. Gosto muito de estudar aqui, porque os professores são muito bons e os funcionários bem legais”.

Entre os presentes que a escola vai ganhar durante o ano de 2013 está a construção de uma quadra poliesportiva que deve ser entregue no meio do ano. O atual prédio da escola foi criado em 1.920 e conta com 12 salas de aula. O prédio ocupado pela instituição na época em que foi fundada foi demolido.

Mensagens para o futuro

Ao longo do ano educadores, alunos e toda comunidade escolar desenvolverão o projeto “100 anos da Escola Estadual Conselheiro Afonso Pena”. Até o mês setembro, eles poderão escrever mensagens sobre a escola e depositá-las na cápsula do tempo. Todo material será recolhido e armazenado pelos próximos 50 anos, até 2.063. A cápsula do tempo será feita em setembro, mês de aniversário da cidade de São Gotardo.

C/ Ascom

Deixe um Comentário »